A Rede MCTI/EMBRAPII de Inovação em Inteligência Artificial é a maior na América Latina. Seu objetivo é alavancar a capacidade produtiva e a competitividade das empresas brasileiras, incentivando o uso e o desenvolvimento de tecnologia de fronteira no processo produtivo industrial, com base em IA.

A Rede atua com infraestrutura e conhecimento compartilhados, em um ecossistema integrado com 19 Unidades EMBRAPII, envolvendo cerca de 250 especialistas, mestres e doutores em IA.

Para isso, oferece:

  • Experiência
      • 193 projetos apoiados
      • 107 projetos concluídos
      • 174 empresas parceiras
      • 87 pedidos de propriedade intelectual
  • Financiamento com recursos não reembolsáveis, podendo chegar a até a 50% do valor total do projeto
  • Acesso a recursos do Basic Funding EMBRAPII, uma modalidade de fomento que atua com consórcios entre empresas e Unidades

Você pode acompanhar novidades e ficar por dentro do mundo da inovação em IA pela página da Rede MCTI/EMBRAPII de Inovação em Inteligência Artificial no Linkedin.

Veja as Unidades que compõem a Rede:

Inove com tecnologias de fronteira

A Rede MCTI/EMBRAPII de Inovação em Inteligência Artificial conta com 19 Unidades EMBRAPII e está pronta para desenvolver projetos de pesquisa, desenvolvimento e inovação (PD&I) com agilidade, facilidade e zero burocracia.

As principais competências tecnológicas do ecossistema envolvem:

  • Machine Learning
  • Deep Learning
  • Big Data Analytics
  • Visão Computacional
  • Redes Neurais

Tipos de financiamento para Empresas

A EMBRAPII cofinancia projetos da indústria nacional com recursos não reembolsáveis. Seu modelo de fomento é de fluxo contínuo: a qualquer momento as empresas podem realizar projetos, sem espera de um edital.

A aprovação e contratação é direta com as Unidades EMBRAPII, onde os recursos ficam disponíveis para inovação. O percentual varia de acordo com o porte da empresa.

Os projetos que envolvem empresas com receita operacional bruta (ROB) igual ou inferior a R$ 90 milhões (noventa milhões de reais) podem ter até 50% do valor financiado.

Já projetos de PD&I com empresas com ROB superior recebem até 1/3 do valor total por parte da EMBRAPII.

Veja como fazer!

 

Abaixo, você pode conferir os ciclos de inovação que a EMBRAPII financia em Inteligência Artificial.

Lab2Mkt - Ciclo completo para Startups e Pequenas Empresas

O programa Lab2Mkt, da EMBRAPII, é voltado para o negócio de menor porte que está arriscando e desenvolvendo novas tecnologias. Pequenas empresas e startups são importantes atores no avanço tecnológico, muitas vezes investindo em tecnologias com potencial disruptivo.

Para ajudar esses projetos de inovação a decolarem, a EMBRAPII oferece um apoio completo que vai desde o desenvolvimento da tecnologia, passando pela fase de protótipo, até sua chegada ao mercado.

Basic Funding EMBRAPII

Nova modalidade de fomento da EMBRAPII que destina recursos a projetos de pesquisa e desenvolvimento (P&D) pré-competitivos (TRLs 2 a 4) com foco em novas rotas tecnológicas e em Inteligência Artificial.

Para 2021, a EMBRAPII destinou R$ 3 milhões ao desenvolvimento de projetos em Inteligência Artificial em três áreas, sendo R$ 1 milhão em cada área: Deep Learning;  Aprendizado de Máquina e Ciência de Dados; e Visão Computacional, Processamento de Imagens e Linguagem Natural.

O conjunto de empresas participantes deve investir, ao menos, 10% do valor aportado pela EMBRAPII no projeto.

Vantagens competitivas:

  • Compartilhamento de custos e riscos;
  • Gerar conhecimento que possa ser absorvido por diferentes segmentos econômicos no país;
  • Desenvolvimento de novas rotas tecnológicas em IA que coloquem o país na fronteira do conhecimento.

Acesse aqui o Documento Orientador do Basic Funding.

Acesse aqui os consórcios aprovados em 2021.

Cooperação internacional

Membros da Rede MCTI/EMBRAPII de Inovação em IA representam o Brasil no Global Partnership on Artificial Intelligence da Organisation for Economic Co-operation and Development (GPAI/OCDE). 

As discussões do grupo contribuirão para a formulação de pautas de políticas de Inteligência Artificial em cinco comitês:

  • Inovação e Comercialização;
  • Enfrentamento da Pandemia;
  • Governança de dados;
  • Futuro do trabalho;
  • IA responsável.

Projetos

Monitoramento de oxigênio em cilindros

Com uso da Inteligência Artificial, o sistema gera um controle preciso na gestão do oxigênio medicinal.

Saiba mais

Monitor de Sinais Vitais

O dispositivo é capaz de verificar informações, em tempo real, sobre o estado de cada paciente.

 

Saiba mais

Vídeos

Conheça a Rede

Veja como funciona o ecossistema que atua de forma integrada para atender demandas de IA.

Segurança com IoT

Vigilante virtual usa visão computacional para prédios e condomínios.

Gateway IoT para luminária pública

Gerencia uma rede de comunicação sem fio onde podem ser conectados dispositivos para smart cities.

Realidade virtual para reabilitação motora

O dispositivo usa recursos tecnológicos como sensores, softwares e óculos de realidade virtual.

Sistema de logística com IoT

Auxilio na  localização de contêineres com IoT integrado para facilitar no sistema de logística de empresas.

Projeto VAI

Dispositivo para carros permite que o usuário tenha controle do que acontece com seu veículo em tempo real.

Governança da rede

A governança da Rede MCTI/EMBRAPII de Inovação em IA conta com: presidência, vice-presidência e comitês técnicos, cujos representantes cumprem mandatos de 12 meses, que são rotativos entre as Unidades participantes da Rede.

Os comitês técnicos são compostos por membros indicados pelas Unidades da Rede e têm como objetivo discutir e propor pautas estratégicas para o fortalecimento das ações em:

  • Capacitação;
  • Infraestrutura, com foco no estabelecimento de ações para o compartilhamento de infraestrutura entre as Unidades participantes;
  • Boas Práticas, visando estabelecer critérios comuns entre as Unidades da Rede relacionados à ética, transparência e segurança em IA.

Conselho consultivo

Os representantes definirão a estratégia e diretrizes de atuação da Rede.

São eles:

  • Confederação Nacional da Indústria (CNI)
  • Confederação Nacional da Agricultura e Pecuária (CNA)
  • International Association of Artificial Intelligence (I2AI)
  • Associação Brasileira de Internet Industrial (ABII)
  • Associação Brasileira das Empresas de Tecnologia da Informação e Comunicação (BRASSCOM)
  • Associação das Empresas Brasileiras de Tecnologia da Informação (ASSESPRO)
  • Sociedade Brasileira de Computação (SBC)
  • Associação Brasileira da Indústria Elétrica e Eletrônica (ABINEE)
  • Associação de Empresas de Desenvolvimento Tecnológico Nacional e Inovação (P&D Brasil)
  • Associação para Promoção da Excelência do Software Brasileiro (SOFTEX)
  • Associação Brasileira da Indústria de Artigos e Equipamentos Médicos e Odontológicos (ABIMO)
  • Fórum Brasileiro de IoT

Embaixadores

 

  • Luis Lamb
    PhD em Ciência da Computação e Professor titular da Universidade Federal do Rio Grande do Sul, Luis Lamb também é uma importante referência em Gestão da Inovação, Ciência da Computação, Inteligência Artificial e Estratégia. Atualmente, está à frente da secretaria de inovação, ciência e tecnologia do Rio Grande do Sul.

Depoimentos

Voltar
arrow-down arrow-left arrow-right arrow-up Close Contato E-mail Facebook Google Home Instagram Linkedin local minus phone Pinterest plus Busca comparilhar telephone Twitter user view YouTube line-contact line-email line-facebook line-google line-home line-instagram line-linkedin line-local line-phone line-pinterest line-plus Busca line-share line-telephone line-twitter line-user line-youtube