Substância desenvolvida com o apoio da EMBRAPII possui efeito virucida e também pode ser utilizada no setor têxtil e hospitalar

A Empresa Brasileira de Pesquisa e Inovação Industrial (EMBRAPII) apoia o desenvolvimento de um material nanoestruturado, a base de cobre, capaz de eliminar vírus (incluindo a Covid-19), bactérias e fungos prejudiciais à saúde. O produto pode ser utilizado em tintas para pintura de diferentes tipos de superfícies gerando um efeito virucida. A iniciativa do Grupo Cecil, fabricante de produtos de cobre e ligas, também pode ser utilizado na indústria têxtil, agroindústria, médico hospitalar, entre outros.

Pesquisadores da Unidade EMBRAPII – IPT (Instituto de Pesquisas Tecnológicas) atuam no projeto que conta com investimento de mais de R$ 670 mil reais da EMBRAPII. O objetivo dos profissionais que o desenvolvem é tornar a fabricação do produto robusta, tecnicamente e economicamente viável para produção em escala industrial, a fim de obter domínio em uma tecnologia nacional de nanopartículas de cobre com aplicação em diferentes tipos de materiais sem perder as características físico-químicas.  

As nanopartículas de cobre possuem duas fases de apresentação, sendo em suspensão aquosa e em estado sólido. O produto líquido pode ser utilizado em tintas, vernizes, entre outros materiais. Hospitais e outros ambientes públicos onde há alta concentração viral podem ser pintados com o novo produto, por exemplo, aumentando a proteção das pessoas que circulam nos locais. Já o produto sólido possui compatibilidade com diferentes polímeros, podendo ser aplicado na produção de plásticos, tecidos e embalagens, o que significa produtos revestidos com substância antiviral e antimicrobiana, garantindo maior saúde para a população.

O projeto, iniciado em agosto de 2020, está em fase final, onde os resultados estão sendo analisados tecnicamente.

Spin-off

Com o desenvolvimento do projeto, surgiu a startup chamada Abluo, uma empresa especializada no desenvolvimento de soluções tecnológicas utilizando a nanotecnologia, onde o principal produto são as nanopartículas com efeito antimicrobiano. “Os resultados deste projeto são muito promissores. As aplicações e as propriedades antivirais e antimicrobianas das nanoparticulas de cobre criaram a oportunidade de desenvolvimento de um novo modelo de negócio”, conta o gerente geral da Abluo, Leandro Fornasaro.

Sobre a EMBRAPII

A Empresa Brasileira de Pesquisa e Inovação Industrial é uma Organização Social que tem contrato de gestão com o Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovações; Ministério da Educação e Ministério da Saúde. Em sete anos de operação, já apoiou 1.400 projetos, desenvolvidos em parceria com empresas nacionais de diferentes portes e Unidades EMBRAPII em todas as regiões do país. Tais projetos somam investimentos de R$ 1,9 bilhão beneficiando quase mil empresas.

arrow-down arrow-left arrow-right arrow-up Close Contato E-mail Facebook Google Home Instagram Linkedin local minus phone Pinterest plus Busca comparilhar telephone Twitter user view YouTube line-contact line-email line-facebook line-google line-home line-instagram line-linkedin line-local line-phone line-pinterest line-plus Busca line-share line-telephone line-twitter line-user line-youtube