Projeto EMBRAPII conta com a atuação dos pesquisadores do Instituto Federal de Santa Catarina para desenvolver um kit de conversão a baixo custo

Com o objetivo de contribuir para a viabilização do uso de carros elétricos no país, a Empresa Brasileira de Pesquisa e Inovação Industrial (EMBRAPII) está apoiando o projeto “Inserção de veículos elétricos em frotas públicas”, em desenvolvimento com pesquisadores da Unidade EMBRAPII – Instituto Federal de Santa Catarina (IFSC). O projeto, que conta com recursos do Programa Rota 2030, vai possibilitar o desenvolvimento de metodologia e procedimentos para a conversão de veículos a combustão para tração elétrica, iniciativa em consonância com o debate mundial por medidas sustentáveis e economicamente viáveis para a popularização dos veículos elétricos.

O projeto conta com a participação de 16 pesquisadores das áreas de motores, eletrônica, automobilística, eletrotécnica e mecânica do IFSC, além de alunos bolsistas do ensino técnico, superior e mestrado. O objetivo principal é desenvolver uma plataforma de conversão de carros movidos a gasolina para motorização elétrica, ou seja, desenvolver um sistema ou kit de conversão com baixos custos e acessível.  A iniciativa também vai contribuir para redução dos impactos ambientais produzidos pelos veículos a combustão da frota pública e propiciar economia nos gastos públicos.

O Campus Florianópolis do IFSC já conta com dois eletropostos para o carregamento de veículos elétricos. As fontes de abastecimento, instaladas dentro de um laboratório e no pátio interno de estacionamento, são as primeiras de sete que serão instaladas como parte do projeto, realizado em parceria com a Celesc e aprovado pela Aneel. Neste tipo de ponto de recarga, um veículo elétrico demora uma hora para ter sua bateria carregada completamente, o que lhe confere uma autonomia de 300 km para rodar. A previsão é que até o final do ano os demais eletropostos sejam instalados em órgãos públicos de Santa Catarina.

EMBRAPII no Rota 2030

A EMBRAPII é uma organização social que tem contrato de gestão com o Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovações (MCTI), Educação (MEC) e Saúde. Atua por meio da cooperação com instituições de pesquisa científica e tecnológica, públicas ou privadas, tendo como foco as demandas empresariais e como alvo o compartilhamento de risco na fase pré-competitiva da inovação. Há dois anos, coordena o Programa de Mobilidade e Logística do Rota 2030, iniciativa do Governo Federal para promover a cadeia automotiva no país. Nesse período, já apresentou 40 projetos apoiados, de 44 empresas contratantes, totalizando cerca de R$ 43 milhões em projetos de inovação.

arrow-down arrow-left arrow-right arrow-up Close Contato E-mail Facebook Google Home Instagram Linkedin local minus phone Pinterest plus Busca comparilhar telephone Twitter user view YouTube line-contact line-email line-facebook line-google line-home line-instagram line-linkedin line-local line-phone line-pinterest line-plus Busca line-share line-telephone line-twitter line-user line-youtube